Olhar detalhes (shifting)

Atualizado: há 2 dias




Nosso olhar deveria ser como o de uma criança, ou seja, olhar observando cada detalhe do que vemos. Observe os olhinhos da criança, eles pulam de um pontinho para o outro rapidamente, com muito interesse, atenção e não param. Esta é a tendência natural dos nossos olhos. Com os anos vamos diminuindo o movimento dos nossos olhos e eles acabam “congelando“ o olhar. Quando estamos olhando a tela do computador, ou lendo, ou prestando muita atenção na atividade que executamos esquecemos não só de piscar os olhos, mas também fixamos nosso olhar e não movemos nossos olhos ponto por ponto para observar os detalhes.


Este é um maravilhoso exercício tanto para vista como para alma. Apreciar os detalhes do mundo, simplesmente isso.


O shifting consiste em deslocar o olhar de detalhe para detalhe com suavidade. A chave para o sucesso deste exercício é olhar com “olhos suaves”, como seus olhos fossem um pincel pintando o mundo que você vê ponto por ponto.


Vamos ao exercício:


Abra os olhos e olhe para os detalhes sem óculos ou lente de contato. Não force os olhos para tentar enxergar com clareza ou perfeição, apenas observe os detalhes. Não faça esforço para enxergar, relaxe e deixe a imagem vir de encontro aos seus olhos. Pode olhar a moldura de uma janela e em seguida os seus detalhes, ver onde uma janela ou aposento começa e termina, ou uma árvore e depois os detalhes de suas folhas ou flores, etc. Mova seus olhos pontinho por pontinho, relaxadamente, como se estivesse passeando os olhos, lembre-se de piscar durante o exercício. Se o que estiver vendo for nítido, ótimo. Caso o que veja for embaçado, ótimo também. Aproveite a nitidez, ou relaxe e talvez comece a apreciar o fosco. Shifting de longe é um ótimo exercício para miopia. Observe um detalhe e depois outro, examine o contraste entre eles. E pisque, pisque, pisque...


Depois de examinar o contraste do que está olhando, feche os olhos e visualize as margens e as distâncias entre os detalhes. Pense no contraste entre os detalhes. Retorne a olhar a imagem ou o objeto, passeando seus olhos nos detalhes e perceba como está a nitidez agora. Mesmo que sua visão seja nebulosa aos poucos fazendo este exercício a nitidez ficará melhor. Você pode fazer este exercício observando a imagem ou o objeto que esteja longe ou perto, o que irá ajudar na flexibilidade do cristalino e a prevenir catarata. Olhe detalhes pelo menos 20 minutos ao longo do dia, em etapas de 4 a 6 minutos, mas procure tornar esta forma de ver o mundo um hábito para você.


O shifting é um exercício criado para ativar a mácula e desenvolver a retina. A retina contém 6 milhões de células nervosas responsáveis por examinar detalhes, as quais formam a visão central. E a retina também possui 120 milhões de células nervosas que dedicam-se a enxergar o cenário geral e são responsáveis pela visão periférica. O shifting estimula a visão central, mas caso você faça tarefa que tenha que ler muito ou enxergar detalhes, relaxe com palming, massagem, piscando ou olhando longe antes de fazer o shifting de perto.


Aproveite e aprecie a riqueza dos detalhes!!!

Márcia Alves de Siqueira

Terapeuta Ocupacional / Terapeuta da Mão

Instrutora e educadora Self-Healing

Especializada em Fisiologia e Biomecânica do Exercício



81 visualizações

Márcia Alves de Siqueira

R. Natingui, 154 / V. Madalena

São Paulo - SP

Cel: +55(11)99941-1166

contato@self-healingterapias.com.br

© 2017 porSelf-Healing Terapias