Alongue e fortaleça a musculatura dos olhos

Atualizado: há 2 dias



Alongar e fortalecer os músculos da visão???


É isso mesmo. Os olhos possuem músculos para se movimentarem como as demais partes do corpo e esses também precisam ser alongados e fortalecidos para manterem sua saúde.


A musculatura que iremos aprender exercitar são os músculos extrínsecos dos olhos, ou seja, aqueles que estão fora do globo ocular, prendendo ele na cavidada orbital (nome do buraco aonde o olho está inserido). Esses músculos são responsáveis pelos movimentos dos nossos olhos. Eles que permitem agente olhar para cima, para os lados, para baixo, etc.


Estresse e maus hábitos funcionais causam desequilíbrio na atuação da musculatura extrínseca dos olhos prejudicando a saúde visual. Assim, como ocorre nas demais partes do corpo, onde também o estresse e hábitos não saudáveis geram desequilíbrio de músculos comprometendo a saúde da região cujo movimento esses músculos são responsáveis. Para reequilibrar é preciso relaxar, reaprender a fazer o movimento sem tensão, alongar e fortalecer.


Vamos aos exercícios:


Importante: não pode sentir incomodo, dor, fadiga ou cansaço. Pisque durante todo exercício para fazer o movimento suave e manter o olho parado evitando tencionar, não deixe seu olhar congelado.


1- Olhe o ambiente ao redor e perceba como estão seus olhos, a tensão, o peso para se moverem, o tanto que se movimentam sem a cabeça. Observe o ambiente, a claridade, a nitidez.


2- Massageie ao redor dos olhos para relaxamento.


3- Coloque os dois dedos indicadores na frente dos olhos (um dedo na frente do olho correspondente a ele). Olhando na ponta dos dedos, leve os dedos para cima e acompanhe a ponta dos dedos com o olhar, pare os dedos e conte até 5 (você deve estar olhando para cima e mantendo o olhar), depois leve os dedos para baixo, acompanhando eles com os olhos, pare e conte até 5 (agora você estará olhando para baixo e mantendo o olhar). Repita de 5 a 10 vezes. Termine com os dedos na frente do rosto, no local onde começaram. O músculo que faz a ação está sendo fortalecido, enquanto seu oponente está sendo alongado. Caso sinta cansar, pare e faça o palming, o exercício de cobrir os olhos com as mãos. Quando sentir que o cansaço passou prossiga o exercício e da próxima vez diminua a quantidade de vezes que faz os movimentos ou que mantém o olho parado, não é para cansar. Sempre que sentir cansar nestes exercícios faça isso.


4- Um dedo na frente dos olhos, mova para direita acompanhando com os 2 olhos a ponta do dedo, pare, conta até 5 e vai para esquerda fazendo o mesmo. Repita de 5 a 10 vezes para cada lado. Termine com o dedo na frente do rosto, no local onde começou.


5- Faça círculos com os olhos no sentido horário e depois anti horário. Repita de 5 a 10 vezes para cada lado.


6- Indicadores juntos na frente dos olhos (mais exato seria dizer posicionados à frente do nariz, entre os olhos), mantendo o olhar na ponta deles, leve os dedos para as laterais (dedo direito vai para direita e o outro indicador vai para a esquerda), os olhos acompanham os 2 dedos sem perdê-los, após um momento você terá que manter os olhar para frente e a periferia que estará acompanhando a ponta dos indicadores (sinta neste momentos a musculatura do lado externo de cada olho sendo trabalhada). Depois retorna os dedos até se unirem na frente e entre os olhos novamente. Repita de 5 a 10 vezes, separando e unindo os indicadores. Termine com os dedos separados.


7- Faça um pouco do palming para relaxar, caso tenha tencionado os olhos durante o exercício.


8- Olhe novamente ao redor e perceba como estão seus olhos, se estão mais leves, se movimentam-se com mais suavidade o tanto que se movimentam sem a cabeça. Observe o ambiente, a claridade, a nitidez.


Com o tempo, quando você tiver maior consciência do movimento ocular poderá fazer sem os dedos. É um exercício que pode fazer em qualquer lugar, desde que relaxe nesse momento e tenha consciência ocular.


Aproveite seus olhos fortalecidos,


Márcia Alves de Siqueira

Terapeuta Ocupacional / Terapeuta da Mão

Instrutora e educadora Self-Healing

Especializada em Fisiologia e Biomecânica do Exercício



42 visualizações

Márcia Alves de Siqueira

R. Natingui, 154 / V. Madalena

São Paulo - SP

Cel: +55(11)99941-1166

contato@self-healingterapias.com.br

© 2017 porSelf-Healing Terapias