Pés doloridos e inchados, como criar mais saúde neles?

Atualizado: Set 18


Começamos o trabalho articular pelos pés, devido serem a base do nosso corpo. Qualquer alteração na base desestrutura as demais partes do corpo e com o passar dos anos prejudica estas, como por ex. pode aparecer problema no joelho, ou quadril, ou coluna (incluindo a cervical, ou seja o pescoço).


Hoje vamos fazer exercícios para os pés!!!


Esta pequena parte do corpo que usamos o dia todo, desde que levantamos até nos deitarmos novamente e quase não lembramos deles. Só voltamos a atenção para eles, quando nos incomodam.


Os pés que dão o estímulo inicial para manter nosso equilíbrio quando estamos em pé e sustentam o nosso peso nesta posição, que fornecem o impulso para nos locomovermos, que se adaptam aos diferentes tipos de solos evitando nossas quedas e mesmo sentados eles sustentam parte do nosso peso. Uau... Como são importantes ?!


E como geralmente os retribuímos por este serviço todo que prestam ao nosso corpo?


Normalmente mantemos os pés presos em sapatos pouco maleáveis e desconfortáveis, além de andarmos no chão duro, o que não deixa os músculos dos pés trabalharem e se movimentarem. Com isto, eles enfraquecem, como também a musculatura do tornozelo. Isto sobrecarrega no caminhar o trabalho das outras articulações: joelhos e quadris. Com os anos pode comprometer também a coluna, até a cervical e ombros. E tudo começou nos pés... Lembrem o nosso corpo é todo interligado. Assim, primeiras dicas para saúde dos seus pés:


- usem sapatos maleáveis e confortáveis. Caso você tenha algum tipo de trabalho que exija sapatos sociais que geralmente não preenchem estes requisitos, mantenha por perto um outro par de sapatos adequados para quando puder colocá-los, nem que seja por alguns minutos.


- andem descalço, principalmente na grama e areia, o que vai ajudar na flexibilidade e fortalecimento dos seus pés e tornozelos.


- massageie seus pés suavemente com um creme hidratante após um dia exaustivo.


Agora vamos aos exercícios!!!


- sentado, apoie seu pé direito sobre uma bola de tênis e movimente devagar o pé para frente e para trás, massageando a sola do pé com a bola de tênis. Faça como se a bola tivesse tinta e você está pintando a sola do seu pé. Caso tenha algum local que esteja doendo, pode ficar mais tempo ali massageando com a bola, depois retorna para a sola toda. Se você tiver bom equilíbrio pode fazer esta massagem em pé.


- sentado, levante alternadamente a frente dos pés sem tirar o calcanhar do chão, imagina que seus dedos que puxam a frente dos pés para cima (20 vezes ou até quando não cansar nem tiver dor). Depois, levante alternadamente os calcanhares, mantendo a frente dos pés no chão (20 vezes ou até quando não cansar nem tiver dor). Agora faça círculos com os pés, mantendo os calcanhares no chão (20 vezes ou até quando não cansar nem tiver dor).


- sentado, dobre e estique os dedos dos pés (20 vezes cada ou até quando não cansar nem tiver dor). Depois, separe os dedos e conte até 10, em seguida junte eles e conte até 10 (faça 10 vezes ou até quando não cansar nem tiver dor).


Agora é só cuidar bem dos seus pés, que são a base dos seus movimentos quando está em pé. Uma base fraca e instável compromete toda a estrutura.


Márcia Alves de Siqueira

Terapeuta Ocupacional / Terapeuta da Mão

Instrutora e educadora Self-Healing

Especializada em Fisiologia e Biomecânica do Exercício



11 visualizações

Márcia Alves de Siqueira

R. Natingui, 154 / V. Madalena

São Paulo - SP

Cel: +55(11)99941-1166

contato@self-healingterapias.com.br

© 2017 porSelf-Healing Terapias